22/11/2012 - São Carlos: ônibus avisa tempo de espera a celular

Sistema adotado pela prefeitura da cidade paulista beneficia principalmente deficientes auditivos e idosos

Um aplicativo para smartphones está facilitando a vida de moradores de São Carlos (SP). O Bus Alert, desenvolvido a pedido da prefeitura paulista pelo grupo de tecnologia da informação Criar, avisa a distância de uma linha de ônibus em relação ao ponto, o tempo estimado de chegada e quanto será necessário esperar até as próximas paradas. O sistema, gratuito, foi desenvolvido para ajudar idosos e deficientes visuais a usarem o transporte público da cidade, mas está sendo adotado por toda a população.

“O sistema dá aos usuários maior condição de mobilidade, liberdade de deslocamento, acessibilidade e permite inclusão ao sistema”, explica a secretária de Transporte e Trânsito de São Carlos, Regina Romão.

O aplicativo pode ser usado por qualquer celular com acesso a pacote de dados e sistema operacional Java, Android e Windows ME. Até agora, cerca de 50 pontos de ônibus da cidade já foram numerados para operar sob o sistema. O usuário, após baixar o programa e abri-lo, precisa apenas digitar o número da linha de ônibus que deseja tomar e a identificação do ponto em que se encontra.

O aplicativo calcula as distâncias e informa, por som e imagem, o tempo de chegada. O sistema é atualizado até o veículo chegar. Após subir no ônibus, basta refazer o processo, informando ao sistema o local de destino para receber um alerta sobre o tempo estimado até o destino.

O programa também pode ser usado pela internet. No site www.busalert.com.br, é possível escolher a linha de ônibus e a distância que o veículo está de algum ponto.

De acordo com a prefeitura, o Bus Alert será implementado paulatinamente no sistema de transporte. Hoje, a cidade possui 60 linhas regulares e outras dez que operam nos horários de pico, perfazendo uma frota de 146 ônibus. Destes, 22 já estão equipados para fazer parte do sistema de alerta.

O custo de implementação está sendo dividido pela prefeitura com o Grupo Criar, que desenvolveu o aplicativo, a empresa de ônibus Athenas Paulista e a Citatti, operadora de geoprocessamento na cidade. “Em geral, para os ônibus já georeferenciados, custa cerca de R$ 5,00 por usuário que utilize o sistema mais de três vezes por mês”, afirma Sérgio Soares, diretor do Grupo Criar, responsável também pela manutenção do Bus Alert.

A empresa está implementando o sistema em Ribeirão Preto e diz que São Paulo, Santos e Curitiba mostraram interesse no aplicativo.

Data: 22 de novembro de 2012 Autor: Marcelo Medeiros, com informações da prefeitura de São Carlos

Fonte: Portal Guia das Cidades Digitais